Três razões para ficar para o resfriamento

As aulas de condicionamento físico geralmente terminam com três a cinco minutos de atividade programada de relaxamento. Na maioria das vezes, os desaquecimentos incluem movimentos de menor intensidade, bem como uma mistura de alongamento dinâmico e estático. Os instrutores de fitness em grupo têm como objetivo guiar os corpos dos participantes de volta a um estado estável e fornecer fechamento físico e mental para a experiência da aula. Infelizmente, muitos participantes das aulas de fitness descartam o relaxamento como uma perda de tempo. À medida que a música diminui, eles correm porta afora ou começam a fazer as malas. Embora possa parecer uma boa ideia parar antes do relaxamento para economizar tempo e chegar ao seu próximo compromisso, aqui estão três razões pelas quais esses últimos minutos de aula são alguns dos importantes:

1. Faz você se sentir melhor. 

Durante um treino, o coração bombeia em ritmo acelerado para alimentar os músculos em atividade com sangue rico em oxigênio. Quando o exercício para abruptamente e os músculos em atividade diminuem, o sangue pode se acumular, principalmente nas extremidades inferiores. A taxa mais lenta de contração muscular reduz a taxa na qual o sangue oxigenado se move de volta para o coração e o cérebro. Esta redução temporária de oxigênio no sangue pode causar tonturas ou vertigens. Um resfriamento gradual ajuda o corpo a retornar à homeostase em um ritmo constante e diminui o risco de mal-estar. Na verdade, um bom relaxamento deixará seu corpo relaxado e revigorado. Desaquecimentos graduais, bem como aquecimentos prolongados, são especialmente importantes para adultos mais velhos e indivíduos com problemas crônicos de saúde, como problemas cardíacos ou pulmonares.

2. Aumenta sua flexibilidade. 

Durante e após um treino, a temperatura do corpo é elevada. O sangue tem bombeado para os músculos em atividade e os tecidos moles estão preparados para o trabalho de flexibilidade. Uma mistura de alongamentos dinâmicos (em movimento) e estáticos (segure por 15 a 30 segundos) pode aumentar a flexibilidade, o que pode melhorar a qualidade do movimento – tanto durante o exercício quanto nas atividades que você faz como parte da vida cotidiana. Vale a pena notar que o alongamento após um treino não evita especificamente a dor. No entanto, o alongamento é realmente bom após uma sessão de condicionamento físico difícil e pode ajudar na prevenção de lesões. Alongamentos para os principais grupos musculares são incentivados para aumentar a flexibilidade e ajudar na fadiga ou estresse relacionados à postura.

3. Dá-lhe tempo para celebrar e refletir. 

O final de um treino é o momento perfeito para refletir sobre os benefícios mentais e emocionais do exercício. É sua hora de reconhecer o tempo e o esforço necessários para vir à aula e participar de um treino desafiador. A reflexão sobre as realizações pessoais pode ajudar muito a gerar autoconfiança e criar motivação intrínseca para treinos futuros. O relaxamento também é um bom momento para avaliar como você se sente. Você pode perceber que se sente mais energizado e focado para definir metas para o resto do dia.

Idealmente, um relaxamento faz parte de cada treino. Embora isso nem sempre seja realista, é importante observar que quanto mais intenso o treino, mais crucial se torna o relaxamento. Procure fazer o resfriamento em cerca de 10% do tempo total de treino. Um bom relaxamento inclui uma variação de menor intensidade do trabalho realizado, bem como alongamentos para os principais grupos musculares, como quadris, ombros, peito e costas. Felizmente, os instrutores de fitness em grupo geralmente incluem um relaxamento equilibrado como parte de cada experiência de aula, então fique por perto nos últimos cinco minutos de aula para se sentir melhor, aumentar a flexibilidade e comemorar um trabalho bem feito. Seu corpo e sua mente vão agradecer.

Visite a lindíssima casa no interior de SP.

Related Posts

Dor de Dente e Exercício Físico: Como Conciliar Saúde Bucal e Atividade Física

A prática regular de exercícios físicos é fundamental para manter uma vida saudável, mas muitas vezes, a experiência de dor de dente pode suscitar dúvidas sobre a…

Exercícios para iniciantes na academia

I. Exercícios para iniciantes na academia Se você é novo na academia, pode se sentir um pouco perdido em relação aos melhores exercícios para começar. Mas não…

Estratégias de Marketing voltadas para o mundo fitness

Estratégias de Marketing voltadas para o mundo fitness

O setor de fitness tem experimentado um crescimento significativo nos últimos anos, impulsionado pelo aumento da conscientização sobre a importância da saúde e do bem-estar. Para aproveitar…

Alergias, Sensibilidades e Intolerâncias Alimentares: Qual a Diferença?

Alergias, Sensibilidades e Intolerâncias Alimentares: Qual a Diferença?

Enxaquecas. Eczema. Problemas de sinusite. Diarréia. Constipação. Dor muscular. O que esses sintomas têm em comum? São todas formas de inflamação e a maioria são reações a…

7 Exercícios de Estabilidade Central

7 Exercícios de Estabilidade Central

Desenvolver a força do core é essencial para a saúde e o bem-estar diários, pois um core forte protege a coluna, reduz dores nas costas, melhora os…

Você é uma maçã ou uma pêra? Como comer para tipos de corpo específicos

Você é uma maçã ou uma pêra? Como comer para tipos de corpo específicos

Perder peso pode ser tão frustrante. Por que uma dieta funciona bem para seu amigo, mas não para você? Não existe uma dieta única para todos, porque…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *