Mensagem para mamãe de primeira viagem

Caiu no sono mensagem para mãe de primeira viagem

15 tipos de mensagem à mãe de primeira viagem. Isso mesmo! Se você está esperando o seu primeiro bebê, deve ter dúvidas e ansiedades, não é? Confira, então, mensagens que irão lhe deixar muito mais informada e tranquila sobre a gestação!

Mensagem à mãe de primeira viagem: 15 orientações importantes e imperdíveis!

1. Exercícios para ajudar no parto

É interessante a mulher manter uma rotina de exercícios durante toda a gestação. Além de manter-se no peso ideal para cada mês da gravidez, os exercícios ajudam no parto, especialmente, no parto normal.

No entanto, a gestante deve ter orientações médicas sobre quais são as práticas mais indicadas para esse período. Não se deve fazer os mesmos exercícios de quem não está gestante, pois isso pode causar muitos males à mãe e à gravidez.

2. Planeje o parto

É importante que a mamãe defina com antecedência todos os detalhes para o nascimento do bebê, evitando correrias no grande dia.

3. Informe-se sobre refere à amamentação:

Eis mais uma mensagem à mãe de primeira viagem muito relevante. As mães de primeira viagem costumam ter mais dúvidas do que aquelas já passaram por uma gestação. Atualmente, todo mundo conhece, praticamente, a importância de amamentar o bebê, preferivelmente, com leite materno até pelo menos os 6 meses do pequeno.

No entanto, em alguns casos, há mulheres que podem ter impedimentos para amamentar e o bebê acaba necessitando de complementação alimentar, além de detalhes sobre as pausas em entre as mamadas, cuidados com os seios, alimentação adequada da mãe e outros detalhes.

Assim, é importante obter todas as informações sobre a amamentação. Isso pode ser feito em sites especializados e confiáveis e, claro, com um médico ou nutricionista.

Mensagem à mãe de primeira viagem

4. Conhecer hospitais e maternidades

Outra mensagem à mãe de primeira viagem indispensável. Visite os locais disponíveis para ter o seu bebê. É mais confortável dar à luz no lugar que você mesma escolheu.

5. Pausa antes do parto

Muitas novas mamães não sabem e não é frescura, é realmente importante dar uma pausa nas atividades profissionais e outras que exijam esforço nas últimas semanas da gestação.

Com isso, a gravidez fica protegida e a mulher, relaxada e mais disposta para dar à luz.

6. Armazenamento de células-tronco

Importantíssima mensagem à mãe de primeira viagem! Atualmente, é possível guardar as células que ficam no cordão umbilical do bebê e armazená-las para usar futuramente na criança, em casos de diversas doenças. Verifique locais que façam esse procedimento, preços e outros detalhes.

7. Vacinas

Não se deve esquecer ainda que há diversas vacinas que o bebê terá de tomar – desde o 1º mês de vida até 1 ano. De acordo com a Sociedade Brasileira de Pediatria, algumas são dadas apenas em estabelecimentos particulares, como a ACWY e meningite B e os preços são um tanto “salgados”.

Pesquise e reserve dinheiro para manter seu filho 100% protegido. 

8. Bebê chorando

A recomendação é não se desesperar. O choro dos recém-nascidos costuma ser frequente e quase sempre é uma forma de estabelecer comunicação e não o indicativo de algum problema.

Mensagem à mãe de primeira viagem

9. Soninho

Mais uma boa mensagem à mãe de primeira viagem, muitas vezes, ignorada. Quanto mais você demorar para ajeitar o pequeno para dormir, mais dificuldade ele terá de embarcar no sono. Evite, então, que o bebê fique estressado e chorando e, aos primeiros sinais de sono, prepare tudo para o pequeno dormir.

10. Descansar é preciso

A rotina de cuidar do bebê exige muito da mãe, assim, sempre que der, a mulher deve descansar. Isso deixa a mamãe mais calma e renovada para continuar oferecendo os cuidados de que o pequeno necessita. 

11. Cólicas

Só de ler isso as mães já ficam apreensivas. Isso porque realmente muitos dos bebês sofrem de cólica nos primeiros meses de vida.

Atualmente, porém, há uma série de medicamentos que o pediatra pode receitar para aliviar o problema, além de técnicas de massagem para serem feitas no bebê em casa mesmo – o que é uma excelente mensagem à mãe de primeira viagem.

Informe-se o quanto antes sobre isso, pois, certamente, o pequeno irá “roubar” algumas noites de sono com as cólicas causadas pelos gases. Aprenda técnicas de massagem, por exemplo, para aliviar as cólicas do bebê, disponíveis até mesmo na internet.

12. Passeando

Não é necessário manter o recém-nascido trancado de dentro de casa, mesmo com poucas semanas de vida – como muitas novas mamães podem pensar. Pelo contrário, saindo com o pequeno de forma adequada e protegida, é bom que ele tenha contato com o mundo, o ar e o sol. Evite ambientes fechados.

E para a mãe também! Nada de ficar o dia todo em casa.

Mensagem à mãe de primeira viagem

13. Enxoval de passeio

Não é só o enxoval tradicional que deve ser preparado antes da chegada do pequeno. E isso é mais uma importante mensagem à mãe de primeira viagem. É fundamental preparar o enxoval para passeios, antes mesmo do pequeno vir ao mundo.

Nesse enxoval deve constar itens como um carrinho confortável e seguro, filtro solar para bebês, repelente, etc. Converse com um pediatra para saber melhor.

14. Rotina para o bebê

É importante que o recém-nascido, já nas primeiras semanas de vida, comece uma rotina bem leve. Alguns horários como passeios, banhos e algumas outras atividades traz mais segurança ao pequeno, além de facilitar o cotiado da mamãe e da família.

15. Retorno ao trabalho

Outra mensagem à mãe de primeira viagem é que, depois de passado o período da licença maternidade, é que ela deve retornar ao seu trabalho sem culpa. E para isso, é preciso preparar com quem e onde o bebê ficará.

Seja contratar alguém de confiança ou deixar o pequeno em um berçário ou creche, visite esses estabelecimentos e entreviste candidatos e escolha o que mais lhe agrade. A mãe deve fazer isso, aproximadamente, alguns meses de antecedência da volta ao trabalho, para não ter de preparar isso na pressa.

E lembre-se que, atualmente, poucas mulheres podem se dedicar exclusivamente ao filho, pois têm a necessidade trabalhar. Isso faz parte da vida e a mãe não deve sentir-se como que “abondando” o pequeno. Jamais!

Mensagem à mãe de primeira viagem

Conteúdo

*publicamos o que consideramos dicas e sugestões seguras, todo o conteúdo da Caiu no Sono são fornecidos “no estado em que se encontram”, sem garantias expressas ou implícitas. Esta publicação não se destina a uso como uma fonte de aconselhamento médico.

(117 Posts)

Inessa Sato Mamãe do Vini, Consultora do Sono materno-infantil ✨ajudando famílias a dormir melhor 📩inessa@caiunosono.com.br

Deixe uma resposta