Parto cesárea ou parto normal?

Parto-Cesárea-ou-Parto-Normal

O parto cesárea ou parto normal? O parto normal é um processo natural e maravilhoso, do qual muitas mulheres estão fugindo por medo de sentir dor ou ter sua vagina danificada. A cesárea por razões médicas pode proteger a vida da mãe e do bebê.

O que é e como é feito o parto cesárea ou normal

Parto normal

Começa com contrações uterinas regulares que aumentam com intensidade e frequência, dilata o colo do útero onde o bebê desce e desce pela vagina.

Cesárea

Incisão cirúrgica no abdômen, onde seis a sete camadas de pele são cortadas para remover o bebê ou os bebês. A incisão é feita acima do osso púbico, o útero é aberto, o líquido amniótico é extraído e, em seguida, o bebê é removido.

Razões para fazer parto cesárea ou normal

Parto normal

É o caminho esperado para o nascimento dos seres humanos. É uma função do corpo da mulher que ocorre através de processos naturais e não através da intervenção do médico. O corpo faz o que é necessário do ponto de vista hormonal e mecânico para o nascimento do bebê.

Cesárea

É um procedimento claro de medicação. Deve ser usado em casos de emergência ou por aconselhamento médico. O médico que está acompanhando a gravidez é o profissional mais indicado para decidir se o parto será normal ou cesariana.

Parto-Cesárea-ou-Parto-Normal

Parto Cesárea ou Normal: Cicatrização

Parto normal

A recuperação pós-parto leva cerca de 7 dias a 1 mês e nesse período a mulher deve descansar o máximo possível, não carregar pesos e ter cuidados de higiene para a recuperação da área genital.

Cesárea

A seção de cesariana infeciona-se mais do que a ferida do parto normal. Pode ser complicado, porque várias camadas de tecido e músculos, que podem causar infeção intra-abdominal. O risco de infeção é maior do que no parto normal pois são cortadas 7 camadas de pele.

Parto Cesárea ou Normal: Estimulação do bebê

Parto normal

Durante o trabalho de parto, o corpo estimula a liberação de certas substâncias que estimulam o bebê, como a ocitocina, denominada “molécula do amor” ou “molécula afrodisíaca”, aparentemente envolvidas na formação de relações de confiança e generosidade entre mãe e filho. Ao promover a produção, devido à distensão do colo uterino e da vagina, o trabalho de parto é facilitado e a amamentação também.

A ocitocina atinge todas as células da mãe, o que reforça o amor materno que gera vínculos definitivos com o bebê.

Cesárea

Até agora não foi provado que a cesárea estimule o bebê. No entanto, nos casos em que é usada, ajuda a salvar a vida da mãe e do recém-nascido.

Parto-Cesárea-ou-Parto-Normal

Parto Cesárea ou Normal: Bebê respirando

Parto normal

O bebê vem nadando no líquido amniótico; Quando sai pela pélvis, comprime o tórax e faz com que a criança expulse o fluido e facilite a adaptação e a troca de ar. É mais fácil a respiração neonatal.

Cesárea

Com este procedimento, às vezes o bebê não expele o líquido armazenado em seus pulmões, isso é conhecido como ‘pulmão úmido’. Isso dificulta a respiração do recém-nascido. Na maioria dos casos, a incubadora é necessária por 2 a 3 dias.

É importante calcular bem e verificar a idade gestacional do bebê para evitar complicações nos pulmões, pois pode apresentar membrana hialina, síndrome do desconforto respiratório, distúrbios encontrados em recém-nascidos prematuros, devido à falta de desenvolvimento dos pulmões. Eles também podem mostrar hipertensão pulmonar, pressão arterial anormalmente alta nas artérias dos pulmões.

Parto Cesárea ou Normal: Dor

Parto normal

A mulher recebe uma certa quantidade de anestesia para não sofrer durante o nascimento de seu filho. Respirar e relaxar é fundamental.

No parto normal e na cesariana, a anestesia cobre a cintura para baixo. No parto normal, a epidural é dada e na cesariana é dada epidural ou espinhal. A diferença é que o primeiro é a analgesia, ou seja, a dor das contrações é perdida; com o segundo, a sensibilidade é completamente perdida. O efeito é percebido 25 a 30 minutos após a sua aplicação. Em casos muito extremos, que são raros e nos quais uma cirurgia rápida é necessária, a anestesia geral é aplicada.

A mulher, sentindo dor, libera catecolaminas, substâncias no sangue que produzem alteração no fluxo para o útero. Se no momento do parto a gestante está desesperada, ela produz em maior quantidade, as contrações aumentam e, claro, sente mais dor.

Muitas mulheres sentem medo da dor do parto e por isso acabar por preferir cesariana, porém é interessante fazer preparação pré-parto e se informar sobre exercícios de relaxamento e respiração que tornam o parto normal bem mais tranquilo.

Cesárea

O abdômen é lavado com uma substância anti-séptica, a injeção epidural é dada (entorpece a área do corpo que corresponde aos nervos). A mulher perde completamente a sensibilidade da cintura para baixo.

Parto-Cesárea-ou-Parto-Normal

Parto Cesárea ou Normal:  Tempo de duração

Parto normal

O tempo do parto normal depende, em grande parte, da experiência da mãe. Se ela for uma mãe de primeira viagem, ela irá expandir uma média de um centímetro por hora, o que dá um total de cerca de 10 horas. As mulheres que já deram à luz dilatam 1,5 centímetro por hora. É mais fácil para quem já teve a primeira vez. Alguns partos podem durar até 20 horas.

Cesárea

Pode durar entre 35 e 60 minutos, na área de cirurgia ou sala de parto.

Parto Cesárea ou Normal: Antes e após o parto

Parto normal

Uma hora após o parto, a mãe e seu filho vão para a sala de recuperação. A recuperação da mãe após um parto normal pode durar aproximadamente sete dias.

Cesárea

O bebê deve estar sob observação para verificar o funcionamento adequado dos pulmões e do coração. Quando não tem complicações, fica com a mãe.

Quando uma mulher é submetida a uma cesariana, a dor é mais intensa, é uma ferida no abdome que leva mais tempo para cicatrizar, por isso incomoda mais no dia seguinte e, claro, os pacientes andam com dificuldade por alguns dias. A recuperação leva aproximadamente um mês e meio para que elas se sintam melhor. O período pós-parto de parto normal é menos doloroso e a saída da clínica é muito mais rápida.

Conteúdo:

*publicamos o que consideramos dicas e sugestões seguras, todo o conteúdo da Caiu no Sono são fornecidos “no estado em que se encontram”, sem garantias expressas ou implícitas. Esta publicação não se destina a uso como uma fonte de aconselhamento médico.

(119 Posts)

Inessa Sato Mamãe do Vini, Consultora do Sono materno-infantil ✨ajudando famílias a dormir melhor 📩inessa@caiunosono.com.br

Deixe uma resposta